Corno bebendo porra na buceta da mulher

Loading

Meu nome é Fabiano, tenho 30 anos, sou branco, tenho 1,65 m, 78 kg, olhos amendoados e cabelos castanho escuro e a história que conto para vocês agora aconteceu comigo neste fim de semana no Rio de Janeiro, cidade onde moro.


Essa semana esteve na empresa onde trabalho, uma cliente chama Márcia, morena, cerca de 40 anos, cabelos negros e compridos, olhos castanhos escuros, uma boca bem carnuda, pernas grossas e uma bunda bem arrebitada ajudada pelo salto alto que elevava mais a sua gostosura, logo começamos a conversar sobre computadores e ela disse que o computador da casa dela estava com problemas, dando vários erros e alguns programas não estavam funcionando e perguntou se eu não conhecia ninguém que consertasse computadores. Disse que eu mesmo poderia dar uma olhada e se não conseguisse resolver indicaria alguém para consertar, ela aceitou e marcamos para o sábado de manhã.


Chegando na casa dela pela manhã, Márcia me recebeu como sempre bem arrumada e cheirosa e me encaminhou para o quarto onde ficava o computador e logo comecei a mexer e ver que problemas o computador tinha, sempre batendo um papo bem simpático com Márcia. Uns 20 minutos depois chegou o Ivan, marido de Márcia que tinha ido até a feira e me tratou também muito bem.


Mexe aqui, mexe ali, estávamos os três conversando e de repente abro uma pasta onde tinham várias fotos de Márcia nua em várias poses, de perna aberta com os dedos enfiados na buceta, de quatro, alisando os peitos. Márcia quando viu aquilo, deu um grito de susto e logo questionou a Ivan o porque aquelas fotos estavam ali já que ele tinha prometido que ia apagar tudo e Ivan respondeu que gostava de olhar para elas e que era pra deixá-las ali e

ainda perguntou: – São bonitas não são Fabiano? Eu respondi que sim e ele mandou que eu olhasse melhor, com mais calma para ver o que eu achava de verdade. Eu com um pouco de verginha fui olhando uma por uma e um tesão enorme foi subindo vendo aquela morena toda aberta, com dedos enfiados na buceta, em algumas fotos ela estava toda melada como se ele tivesse gozado na buceta dela e tivesse tirado a foto até que não agüente e disse: – Deve ser muito bom ser fotógrafo em uma sessão de fotos dessa e para meu espanto Ivan respondeu: – Quer ser o fotógrafo hoje? Eu olhei para a cara de Márcia e só então percebi que o bico dos peitos dela estavam duríssimos e como ela não reclamou de nada disse que queria sim. Essa foi a senha para o começo da festa.


Van mandou que ficássemos a vontade enquanto ele iria preparar a câmera e quando saiu do quarto Márcia logo colocou a mão no meu pau por cima da calça e disse: – Ele não deletou as fotos, não cumpriu o que prometeu, agora é minha vingança. Márcia desabotoou minha calça e logo caiu de boca na minha piroca que tem 19 cm, ela engolia tudo até as bolas e chupava de uma maneira que me deixava doido, tirei minha roupa toda e de Márcia também e caí de boca nos peitos dela, chupava e mordia os bicos que eram uma delicia e ela se contorcia e gemia enfiando os dedos na buceta, até que ela não agüentou mais e implorou para que eu comesse ela. Não perdi tempo e logo finquei minha piroca na buceta dela e ela deu um urro de tesão que me deixou louco, só ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]