Dando para meu sogro e namorado

Loading

Eu e meu namorado Marcelo temos um relacionamento completamente aberto. E gostamos de realizar as fantasias de cada um. Não importava qual fosse. Já tínhamos feito praticamente de tudo, mas havia uma coisa que sempre me martelava a cabeça. O pai do meu namorado era um daqueles coroas que deixa qualquer uma de boca no chão. Eu tinha uma baita vontade de dar pra ele, mas como ele era pai do meu namorado eu ficava sem jeito de dizer essa fantasia para ele mesmo com nosso relacionamento aberto. Meu namorado é filho único e seus pais são separados. Uma vez fomos na casa do meu sogro jantar, somente ele meu namorado e eu. Fui com um vestido que mais mostrava do que escondia que meu namorado sempre gostou (e sem calcinha pois meu namorado disse que só atrapalhava), dizia ele que gostava de mostrar para os outros como eu era gostosa e somente dele. Meu sogro também percebeu como eu era gostosa por que começou a me jogar cantadas e me olhar indiscretamente. Meu namorado parecia estar adorando aquilo tudo. Descaradamente também comecei a provoca-lo. Encorajada pela bebida que tinha tomado antes do jantar contei maliciosa no ouvido de meu namorado que nada me faria mais feliz do

que dar para o pai dele com ele observando. Ele me olhou meio incrédulo mas logo perebeu que não estava brincando. Quando estavamos na sala sentados assistindo televisão com meu sogro em uma poltrona bem a frente do sofá que estávamos sentados. Meu namorado passou a mão em minha perna e subiu para minha xana começando a provocar-me na frente de seu pai, que observava a tudo calado mas pelo volume da calça pude perceber que estava ficando excitado. Beijei meu namorado sensualmente subindo com a perna para cima dele, fiquei de frente para ele numa posição que sua cabeça ficava bem no nível de meus seios, ele começou a sugar-me por cima do vestido mesmo me deixando cada vez mais louca. Meu namorado mandou eu ir até seu pai. Eu sem reclamar fui até o meu sogrão e ajoelhei-me em sua frente abrindo-lhe as pernas. Abri a sua calça começando a chupar aquela tora imensa ouvindo-o gemer cada vez mais alto. Percebendo que ele estava quase gozando parei de chupar e levantei-me tirando o vestido bem na frente dele. Ele olhou para o meu corpo cobiçoso, subi em cima dele deixando a cabeça de sua tora bem na porta de minha xana. Ele me sugou me chupou ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]