Dei o cu para minha mulher e para mais tres

Loading

Já escrevi um conto aqui, e para aqueles não leram nos apresento novamente. Sou casado há alguns anos com uma mulher muito safada. Desde que a conheci sabia que ela já havia feito várias putarias, o que me excitou muito. Sempre havia sonhado em participar de orgias, e tinha particular tesão em ser corno e ser abusado por homens na frente da minha mulher. Aí estava minha grande chance. Ela é bonita, baixinha, bunduda e pernuda, seios pequenos, uma puta na cama. Nos damos muito bem na cama, e hoje em dia fazemos putarias com uma certa regularidade, o que só apimenta a relação. Chamarei-a aqui de Sara.

Eram três amigos, que já haviam transado conosco. Estávamos em casa, e já havíamos bebido bastante, o suficiente para ficarmos bem alegres. Sara estava incrível, só vestida com uma cinta liga e sutiã de taça. Ao invés de calcinha, ela veste um consolo na cintura. Eles comentam que ela fica bem de travesti. Todos nós estávamos vestidos, e conversávamos animadamente. Em dado momento Sara diz para mim  Amor, acho que eles querem um pouco de carinho. Por que você não dá um pouco de carinho para eles? Damos risada. Eu, sentado no sofá no meio de Carlos e Marcos, tiro as duas picas para fora e começo uma punhetinha gostosa neles. As duas picas meio duras começam a crescer. Eu me ajoelho no chão, e beijo bem gostoso a cabeça do pau de Carlos. Fico beijando e dando linguadas na pica dele. Paulo se levanta, pára em frente a Sara, sentada em uma poltrona, tira sua pica para fora, e soca na boca dela, dizendo  Chupa um pouco gatinha, enquanto seu maridinho saboreia uma pica grossa. Olho para eles com a pica na boca, e vejo Sara com a pica inteira na boca, sorrindo para mim. Ela tira o pau da boca, puxa bem a pele para trás, espreme a pica, espera o caldinho sair, e saboreia com a língua. Paulo deixa-a, e vem para mim e começa a me tirar a roupa. Ele tira toda a minha roupa. Quando tira minha calça percebe que estou usando uma calcinha de Sara. Todos riem, ele afasta a calcinha, e enfia um pouco o dedo no meu cu. Sorrio e digo  Espero que não seja só isso que você vai enfiar em meu cu hoje. Sara se levanta, e enquanto serve mais bebidas, eu ajoelhado sío de calcinha chupo as picas deles. Paulo senta-se ao lado de Carlos. Eu chupo um, enquanto punheto os outros dois. Carlos é dono de uma pica linda, cheia de veias. É o que mais chupo. Mamo feito um bezerro, e enfio até o talo na garganta. Paulo, sentado à direita de Carlos, apalpa minha bunda, enquanto eu acaricio sua

pica. Marcos, sentado à esquerda de Carlos me ajuda na punheta que bato em seu pinto. Sara é beijada, tem seus peitos chupados e seu abunda apalpada. Às vezes, eles pediam e ela se virava para que eles beijassem seu cu. Eles comentavam como o cu dela é cheiroso, e ela ria e mandava eu chupar direitinho. Os paus eram deliciosos. Às vezes eu descia ate o saco, às vezes enfiava a língua no cu deles com muito carinho. Sara adora lamber o cu de um macho, e ela se ajoelha comigo, para lamber os três cus a nossa disposição. Eles levantam as pernas, escancarando seus cus, e dando risada. Paulo é o primeiro a receber umas linguadas dela  Hum, que gostoso putinha, lambe bem que depois eu retribuo enfiando minha tora no cu de seu marido. Ela enfia um pouco o dedo no cu dele, e da para eu chupar. Paulo então enfia o próprio dedo no meu cu, se esticando todo, e dá o dedo para ela chupar, depois enterra no meu cu novamente. Eu gemo e chupo ainda mais gostoso o pau de Carlos. Paulo retira o dedo do meu cu, e dá novamente para ela chupar, dizendo  sinta o gosto do cu do seu marido, minha puta. Eu rio e digo que meu cu está doido para levar uma pica bem grossa. Paulo se levanta, força Sara se ajoelhar atrás de mim, e leva sua cabeça ao meu cu. Sara me chupa o cu, enquanto Paulo ajoelha e chupa o cu dela. Eu esfrego apaixonadamente a pica de Carlos no meu rosto e boca. Marcos se ajoelha no chão ao lado de Carlos, e eu dou um trato nas duas picas. Ouço Sara gemer, é Paulo que acabou de enfiar a pica na boceta dela. Eu me deito por baixo dela, fazendo um 69. Tiro o consolo dela, e chupo sua boceta e o pau de Paulo. Carlos dá o pau para ela chupar, ainda sentado no sofá. Marcos vem até o chão, e começa a forçar sua pica contra o meu cu. Sara sem tirar a pica de Carlos da boca, ajuda a guiar a pica de Marcos para o meu cu pidão. Sua pica entra aos poucos no meu cu, e eu dou uma gemida. Isso dura uns dez minutos. Paulo sai de dentro de Sara, levanta-a, e me faz ficar de quatro no chão, e enfia sua pica no meu cu. Enquanto dou o cu gemendo muito, ela segura as duas picas para eu chupar na minha frente. Ela põe o consolo na cintura, se deita no chão, eu tiro a pica de Paulo do meu cu, e sento em cima do consolo. Carlos senta com o cu na cara de Sara, eu me ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]