Loading

Inspirado em Dry

Para quem não leu o primeiro, este relato é sobre minha amiga virtual Dry, dona de um bar, que mora em outra cidade, pessoa que tenho grande afeto, mesmo sem nunca ter tocado sua mão... apesar da tecnologia nos proporcionar encontros e conversas muito prazerosas….
Outro dia relatei um sonho meu com ela. Hoje vou tentar relatar um sonho que ela teve comigo e que me contou…
Neste sonho castanho viajei para Belo Horizonte para te conhecer pessoalmente, minhas mãos suavam e estava com um frio na barriga. As pessoas passavam por mim, eu encarava pensando que era você e minha ansiedade só crescia, acho que estava num shopping, tinha muitas lojas e muito movimento. Estranhava essa situação e ao mesmo tempo amava, pois sou mulher de um homem só. Meu marido foi o primeiro e único até hoje. Sim porque tudo podia acontecer. Quando olho pra trás la vem meu amigo Castanho com uma camisa do América MG, calca jeans preta como havíamos combinado. Quando ele me viu abriu um sorriso lindo, espontâneo que mesmo de longe ainda aliviou meu coração. Chegou pertinho de mim e nós dois sorrindo como dois adolescentes apaixonados, me deu um abraço forte que durou uma eternidade, a sensação de paz e plenitude preencheu nossos corações. Ele se afastou e disse:
- Dry não acredito que você está aqui
- Castanho eu estou aqui, você esta aqui e esse momento é só nosso
- O que quer fazer amore mio
- A cidade é sua Castanho. Me leve pra onde quiser. Faça o que manda seu coração
- Ahhhhh Dry o que manda meu coração vai muito alem de nossas conversas mais picantes….
-UI. Castanho falando assim .... Já tô molhadinha
- Então vamos
- Sim
No carro a conversa fluiu fácil, leve solta, eu acariciava seus cabelos enquanto ele dirigia em direção a um motel na BR. No sonho já pulamos direto para o quarto de motel onde lembro que você me abraçando e olhando nos olhos me disse:
- me beija Dry
E eu moça de 5.2 obediente e desejosa provo seus lábios…. Começo a sentir um calor por todo o corpo, minha xaninha escorria, pernas tremiam e quando Castanho afastou a boca e meteu a língua em meus ouvidos me arrepiando toda, ao dizer: te adoro.
Estremeci e

gozei. Gemi. Fiquei mole. Me sentei na beirada da cama e ele veio pro meu lado e me fazendo carinhos disse:
- vamos tomar um banho
- Sim
começamos a nos despir, pedi pra não olhar, ele riu
- Dry já vi fotos suas nua. Se estou aqui é porque adorei
- Safado rsrsrsrs
- Gostosa
Tirou a camisa, o sapato, as meias, a calça e por fim olhou pra mim, sorriu e tirou a cueca box branca. Revelando um menino sapeca que mirava o céu. ..
Fui me desnudando lentamente. Com vergonha. Nunca tinha ficado nua na frente de outro homem a não ser meu marido. O tesão falou mais alto e quando fiquei livre das roupas ele me deu um beijo e me pegando pelas mãos me levou para o chuveiro. A água caiu e a temperatura subiu. Ele pegou o sabonete e começou a passar em meu corpo. Ensaboando e massageando, passou em meus seios e eles ficaram duros como nunca tinham ficado, me virou de costas e começou a ensaboar minhas costas, minha bunda e minhas coxas que começaram a tremer ao contato de sua mão. Quando passou a mão em minha xaninha não resisti e comecei a rebolar em sua mão. Seus dedos brincavam em meu grelinho. Comecei a gemer, e ele parou. Levantou-se encostou seu pau em minha bunda e começou a brincar com as mãos em meus seios, ao mesmo tempo que beijava minha nuca, me ofereci e virando um pouco o rosto nossas bocas se encontraram. Ele deslizou a mão direita até minha xaninha e com a esquerda brincava em minha auréola. Começou a relar seu pau em minha bunda e coxas. A excitação estava a mil, minha pele arrepiava e minha xaninha encharcada pulsava com fome. Gulosa empurrava minha bunda de encontro ao seu pau querendo que ele me penetrasse, mas ele evitava entrar, ficou só sarrando. Senti que seu pau começou a latejar em minha bunda seus movimentos foram ficando mais rápidos e seus dedos em meu clitóris me deixando doida. Beijando disse que ia gozar e ele disse também vou…. E quando ele jorrou em minha entrada e senti o calor de seu néctar gozei junto sem penetração como nunca tinha gozado. Delícia de ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]