Ele quis, Ela não – Dupla decepção – parte 2

Loading

Olá galera, aqui é a Isadora. Para entender a história, leia “Dupla decepção – parte 1”.
No outro dia (15/10) um sábado, Kamila voltou na casa de Fernando, como tinha pedido e sentaram no sofá para conversar. Ela então perguntou para o garoto se aquilo já tinha ocorrido antes, pois ela achou ele e o Erick tranquilos com aquilo, principalmente o fato de Fernando ficar olhando.

O garoto então disse que sim, que aquilo aconteceu duas vezes antes dela e que era praticamente o mesmo. Ou seja, ele se interessava numa garota e ela acabava descobrindo o Erick e trocava Fernando pelo garoto, acabando na cama de Fernando com o outro cara.

Kamila não dizia nada enquanto Fernando explicava, mas quando o garoto parou de falar, ela disse: sabe Fer, eu imagino que isso deva ser muito ruim para você. Aí Fernando fechou a cara e disse: não quero que tenha pena de mim. Kamila respondeu que não sentia pena dele, mas que imaginava que ele ficasse chateado.

Fernando disse que sim, ficava chateado, mas que não tinha muito o que pudesse fazer. A garota então falou para Fernando: quer saber o que aconteceu e como parei aqui, na sua cama com ele? Fernando apenas balançou a cabeça dizendo que queria saber.

Kamila então começou a explicar:

Logo que eu te adicionei no facebook, comecei a ver se tínhamos algum amigo em comum. Não achei nenhum, mas vi esse seu amigo. Li algumas coisas que ele postou, dei risada de umas bobagens que ele escreve. Aí fui ver umas fotos dele. Achei o sorriso dele bonito e ele parecia ser alto, que é algo que eu gosto também no homem. Não sou de adicionar os caras, mas ele parecia tão “de boa” que eu pensei: “vou adicionar, ele não vai encher o saco”. No mesmo dia ele me aceitou e curtiu umas fotos minha. Eu não tinha curtido nenhuma dele.Vi também que ele postava bastante foto jogando futebol, o que eu acho legal sabe, ele

praticar esportes e tal. No outro dia ele mandou uma mensagem no facebook puxando papo, respondi e ele pediu meu whats, pensei em não passar, mas o papo tava bom. No whats ele começou a me elogiar mais. Me dava bom dia e boa noite, falou do meu sorriso e dos meus olhos. Não sou de conversar essas coisas, só tive dois relacionamentos e foram bem longos. Então quase sempre tava namorando. Mas Fer, esse teu amigo tem algo que eu não sei explicar, não é beleza e tal, parece, sei lá, uma química diferente, um jeito de “tô nem aí” que faz com que a gente queira falar mais com ele. Depois de dois dias conversando, ele perguntou a quanto tempo tava solteira e eu disse que a alguns meses. Até que ele me pediu foto, não mandei, aí ele mandou a dele sem camisa. E eu gostei. Achei ele bem gostoso sabe, pro meu gosto. Aí mandei uma minha de biquini e ele me chamou de linda. Perguntou assim pra mim: a quanto tempo você não goza? Aí eu falei: credo, não pergunte assim as coisas, era mais fácil falar em orgasmo. Então ele disse: mas comigo é diferente, se eu te pego, faço você gozar, linda, e gozar bem forte. Eu falei: e porque você acha que eu vou gozar bem forte? E ele respondeu: sei como fazer, e ele é bem grosso. Então eu só dei risada. Ele me chamou para ir na casa dele conversar e eu falei que não. Ele insistiu algumas vezes dizendo que não iria me obrigar a nada, que ele é bonzinho e tal. Então ele falou de ir na sexta (14/10) e como eu acordei animada, se é que você me entende, mandei uma mensagem para ele de manhã dizendo que iria. E aí aconteceu de eu vir aqui. Você é ótimo Fer, mas o teu amigo, não sei, ele tem um jeito de..ah, não consigo falar as coisas, dá vergonha hehe.

Fale Ka, agora eu to te ouvindo – respondeu Fernando.

Ta, ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]