Loading

Mui Amigo

824
0 (0)
xan
Traição

Conheci Júlia e Adalberto num barzinho que frequento perto de minha casa

Ela morena , 1,70 de altura , cabelos longos e encaracolados

Júlia tem um corpo maravilhoso , um rabo que só de olhar , já deixa com a pica tesa

Tem 32 anos de idade ela

Ele também moreno , estatura mediana e muito simpático

Fizemos uma grande amizade rapidamente

Tomávamos várias cervejas e caipirinhas juntos todos os finais de semana

Viviamos conversando sobre vários assuntos

Não demorou a terem grande confiança em mim

E eu também adorava muito estar com eles conversando

Não tinham filhos ainda !

Adalberto tinha 35 anos e trabalha no ramo de alimentação

Percebia a cada dia o entusiasmo deles quando estávamos juntos

Notava também que Adalberto adorava encher a moral de sua esposa para mim

Talvez quisesse exibir e mostrar o quanto ela era gostosa

Mais isso nem precisava , eu havia percebido a tempos

Tinha de ter paciência e esperar o momento certo para dar o bote

Notei o sorriso malicioso de Júlia em minha direção quando o marido nos deixou a sós

Ele tinha ido ao banheiro e estava demorando

Tentando disfarçar o olhar , Júlia me média da cabeça aos pés

Eu não deixei por menos e resolvi entrar no jogo , falei :

Seu marido deve ser muito feliz em ter você como esposa !

Júlia me olhando sorridente respondeu :

Adalberto é um ótimo marido , nos completamos em quase tudo

Eu quis saber o que faltava , quando vi o amigo se aproximando novamente da gente

Naquela noite um clima de sedução tomou conta da gente

Júlia me encarava na frente do marido

Talvez fosse por ter bebido demais

Ou talvez não , pois em momento algum pediu para ir embora

E o marido também fazia questão de continuar ali bebendo

Minha vontade era convidar eles de irem para a minha casa

Mais me contive e me segurei para ter certeza do que pretendiam

Mais o tempo passou rápido naquela noite , e nos despedimos

Cheguei em casa e mal conseguia dormir

Bati uma punheta deliciosa imaginando Júlia comigo

Foi longa a semana que se prosseguiu

Na sexta feira seguinte , lá estávamos nos novamente no mesmo barzinho agradável de sempre

Júlia estava ainda mais gostosa

Usava um vestido azul maravilhoso demais

Vestido que realçava o lindo e perfeito corpo

Na primeira oportunidade que ficamos a sós , retornei sobre a conversa que não tinhamos terminado semana passada



Júlia antes de responder , me perguntou

Sabe guardar segredos Rafael ?

Respondi que sim , claro que sim

Me olhando em meus olhos e sem timidez respondeu :

Adalberto é bom comigo até demais !

Mais falta algo em nossa vida

A cortei dizendo : Sexo né ?

Riu e ficou sem me responder

Continuei : Vc é um mulherao , tem de ser forte

Ela ria sem parar com cara de safada

Continuei falando : Eu faria tudo com vc

Mais seria me olhou sabendo que era muito desejada por mim

Falei sem pensar nas consequências

Imagina vc e eu na cama , e seu marido olhando

Me chamou de safado e respondeu :

Penso que Adalberto também iria gostar disso

Quase não acreditei ao ouvir suas palavras

Disse que poderíamos resolver aquilo nesta noite mesmo

Assim que o futuro corninho voltou , ficamos por mais de 1hora conversando

A esposa havia falado sobre meu convite de irem até minha casa

Adalberto estava louco de vontade de ver a mulher levando rola de outro homem

Mais talvez tivesse receios por ser bastante conhecido na cidade

Fiz questão de garantir total sigilo sobre tudo o que acontecesse

Que iríamos nos divertir a três , e nada mais que isso

Júlia em determinado momento falou :

Então amor vamos , vc quer , eu também !

Pagamos a conta e seguimos o caminho

Meu pau já babava tamanha vontade de entrar em Júlia

Em casa fiz uma caipirinha no capricho para descontrair o casal

Os deixei bem a vontade na sala

Ficamos ali num clima de descontração conversando

O amigo pediu para ir até a varanda fumar um cigarro

Assim que se retirou , levei uma mão até a perna da gostosa

Como ficou quieta , me aproximei de seu corpo

Percorrendo a mão por cima do vestido

O beijo em sua boca foi correspondido com desejos

O corpo de Júlia implorava para ser explorado

As mãos agora percorrendo pelos seios grandes e suculentos

Parei de beija_la fiz com que se ficasse em pé

Voltei a beijar sua boca passando as mãos em seu rabo empinado

Esfregava a pica dura na buceta carnuda da safada

Olhei para o lado e Adalberto nos observava meio que a distância

Em poucos minutos tirei seu vestido e ataquei com tudo

Que corpo maravilhoso e lindo aquele

Minhas mãos enormes amassava ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]