Sexo nas pedras por acaso

Loading

SEXO POR ACASO NAS PEDRAS
Vamos lá, ela loira 30 e poucos anos,105 de bunda seios médios,1,67alt dentro do peso, na cama faz tudo mas não gosta de nada armado,

toda aventura pra ela tem que ser por acaso senão ela broxa.

Vamos aos fatos, estavamos de férias em uma praia,como sempre levamos cervejas e cadeiras ,ela se deitou pra se bronzear e ficamos conversando amenidades,

Após uns 40 min na praia percebi que um pessoal subia uma trilha que tinha perto de nós e seguia pra uma costeira e sumiam,

Fiquei curioso e fui dar uma volta,falei pra ela que iria caminhar na praia enquanto ela se queimava,ela falou tudo bem e ficou deitada, ao chegar na costeira

vi uns 5 rapazes de uns 18 anos e 2 garotas,todos pareciam se conhecer e iam sempre ali fumar,ví que não tinha nada de mais por ali e estava voltando pelas pedras

quando vi 1 cara que aparentava ter uns 40 e poucos anos sentado e olhando pro mar,ao passar por ele o cara puxou assunto,respondi e continuei andando,

ao voltar ela perguntou oq tinha atrás das pedras e falei, bebemos mais um pouco e ela quís ir nas pedras pra tirar umas fotos,ela já estava um pouco alegre

por causa das cervejas,pegamos nossas coisas e subimos pela trilha,chegamos no local a molecada já tinha acabado de fumar e estavam conversando e rindo,

Nos afastamos uns 30mts deles e sentamos uma laje que as pedras formavam,ficamos conversando e bebendo até que o cara que tinha puxado assunto comigo

apareceu,ficamos conversando com ele coisas banais mas eu ví que ele não tirava os olhos da bunda dela,ela ofereceu uma cerveja pra ele que aceitou

e sentou ao nosso lado e ficamos conversando,ele falou que moarava ali a pouco tempo,que era divorciado etc,após uma meia hora ela resolveu forrar a canga

e deitar, a cena da bunda dela no bikine pequeno era muito sexy,continuamos conversando mas eu percebia que ela estava provocando o cara,que também estava adorando,

eu já peguei o bronzeador e começei a passar nela,alisei bastante a bunda dela e fiquei de pau duro mas não falei nada,nosso novo amigo já estava nervoso,

ela já estava relaxada e puxava assunto com ele sobre oq tinha pra fazer na cidade a noite etc,ele muito educado passava as informações mas sempre secando a bunda dela,

Quando vi que ela estava relaxada falei que precisava ir ao banheiro do quiosque

mais proximo,eu sabia que demoraria uns 20 min pra ir e voltar,ela não questionou

então deixei os dois a sós e fui,mas na verdade me afastei deles e fiquei escondido olhando os dois,o cara estava nervoso pq toda hora ficava olhando pra trilha pra

ver se vinha alguém,como era uma quinta feira tinha poucas pessoas por alí além de nós e os adolecentes,a essa hora só sobraram 2 rapazes o resto da turma já tinha

ido embora,de onde minha esposa estava os rapazes não conseguiam ve-la por causa das pedras,mas passando pela trilha no caminho de volta dava pra ver sim,

Eu já estava de pau duro como uma rocha e me masturbava lentamente pra não gosar,o cara que estava conversando com ela criou coragem e vi quando ele pegou o bronzeador

e começou a espalhar nas costas dela que abaixou a cabeça e ria por alguma coisa que ele tinha falado,deixei eles a vontade, quando o cara começou a alisar a bunda dela

vi que ele deu aquela ajeitada no pau dele dentro da bermuda,mas sem ela perceber,ele não tirava mais a mão da bunda dela que ria com a conversa.

Eu sei que ela é safada e quando gosta da conversa do cara fica com tesão,e foi isso que aconteceu,ela deitada de bunda pra cima pediu pro cara soltar o nó da

parte de cima do bikine,ele soltou e alisava as costas dela,que olhava pra ele e ria,o clima estava de puro tesão entre eles,o cara já nem olhava mais pra trilha

pra ver se eu estava voltando, a essa altura ela já devia ter falado pra ele que não tenho ciumes,então ele ficou a vontade,vi quando ele começou a enfiar

o dedo na buceta dela por trás,ele enfiava e ela gemia,ele começou a mexer o dedo mais rapido oq ela encostou a cabeça na canga e mordia a canga,

ficaram assim por uns 5 min até que ela gosou,ele tirou o dedo e ela se levantou e de pé ela ficou de costas pra ele e com as mãos numa pedra enorme que tinha perto deles,

ele deu uns beijos na nuca dela enquanto enfiava o dedo nela por trás, ela tentava se arreganhar pra ele ter mais acesso,ele entendeu oq ela queria e por trás caiu de boca

no rabo dela enquanto enfiava o dedo na buceta dela,eu já não aguentava mais de tanto tesão,ela colocou uma perna numa pedra facilitando assim a lingua dele no rabo ...


Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]